Master em Inteligência e Gestão do Varejo 4.0

27/09/2018

4 semestres

Home Pós-Graduação

Master em Inteligência e Gestão do Varejo 4.0

Professor

Sergio Lage de Carvalho

Categoria

Gestão de Negócios

Course Attendees

Still no participant

Cancelamento ou adiamento do curso

Cancelamento ou adiamento do curso

O curso poderá ser cancelado ou adiado por falta de quórum, com até 24 horas de antecedência da data prevista para seu início.

  • Na hipótese de cancelamento, serão devolvidos, AUTOMATICAMENTE, 100% do valor pago, por meio de depósito em conta bancária indicada pelo PARTICIPANTE, em até 10 (dez) dias úteis, após indicação dos dados bancários.
  • Na hipótese de adiamento, serão devolvidos, MEDIANTE REQUERIMENTO EXPRESSO do PARTICIPANTE endereçado ao e-mail processospossp@espm.br, 100% do valor pago, também por meio de depósito em conta bancária indicada por ele, em até 10 (dez) dias úteis, após indicação dos dados bancários.

A ESPM não se responsabiliza por quaisquer outros valores que eventualmente tenham sido despendidos pelo participante, seja a que título for, tais como passagens aéreas ou rodoviárias, combustível, hospedagem etc., em virtude do cancelamento ou adiamento do curso.

Requisitos mínimos do sistema

Requisitos mínimos do sistema

Requisitos mínimos para acesso ao curso são de responsabilidade do aluno.

O curso será realizado pela internet, em um ambiente virtual de aprendizagem (AVA), e somente poderá ser acessado por meio de um computador, inclusive notebook e tablet IOS.

Os cursos ofertados na modalidade de Educação a Distância ESPM requerem a disponibilidade de som e placa de vídeo. Para as aulas agendadas por web conferência, também será necessário microfone.

O interessado em adquirir o curso deverá possuir equipamento com as seguintes configurações:

  • Processador 2.0 GHz ou superior.
  • Memória RAM 1Gb para Windows Vista ou superior.
  • Placa de vídeo 128 Mb off-board ou on-board.
  • Monitor 800 x 600 pixels.

Requisitos gerais:

  • Velocidade de Banda: 2Mbps.
  • Acesso aos endereços http://www.youtube.com/ e http://vimeo.com/ desbloqueados em Firewalls e redes corporativas.
  • Permitir Cookies.

Comentários curso

Ainda não há comentários

Varejo integrado e omnichannel

O varejo vive um processo de automação, de transformação digital, de inovação e de investimento em inteligência de dados e uma gestão muito mais estratégica com foco nos seus clientes e shoppers.

Com a expansão dos canais digitais e sua constante evolução, a indústria e o varejo precisam investir em estratégias e práticas omnichannel e ter como foco estabelecer conexões mais eficientes entre estes novos e múltiplos canais. Há uma urgência na ampliação da sinergia e sintonia fina entre marcas e varejo no sentido de realizar uma transformação conjunta e colaborativa. Empresas e varejo precisam se equipar com inteligência e tecnologia de dados, processos de big data e social CRM, para gerar diferencial competitivo, inovar de forma consistente, se reinventar e se adaptar ao mindset e as novas jornadas digitalizadas de compra de seus shoppers e clientes, cada vez mais multiconectados e empoderados.

Com a rápida transformação digital em curso, a automação, a evolução continua das plataformas online e da conectividade móvel de seus shoppers, é inadiável o investimento em profissionais com novos skils e competências, capazes de acompanhar e melhor performar usando a inteligência analítica de dados, criando e gerenciando novos canais e formatos e oferecendo serviços mais personalizados e uma melhor experiência de compra aos seus clientes.

Hoje os empreendedores e gestores do varejo, os profissionais de logística, canais, vendas, trade e shopper marketing precisam entender a nova economia digital e de redes, acompanhar e prever as tendências que irão afetar seu segmento e os hábitos e atitudes de seus clientes.

O varejo físico e as tradicionais estratégias e ações de trade e shopper marketing foram seriamente impactadas. As lojas e canais estão se reinventando para se adaptar a essa nova era. Este novo momento força os profissionais do setor a se atualizar e repensar seus novos desafios e atender as demandas sempre renovadas de seus públicos. Os conceitos e práticas evoluem segundo uma lógica incremental constante e uma inclinação mais inovadora e disruptiva, forçando a criação de propostas de valor mais sustentadas e relevantes, foco em estratégias de vendas de maior performance, baseadas em experiências e em ações de storyselling mais engajadoras.

O varejo integrado e omnichannel força as empresas a integrarem melhor seus canais, investir mais em serviços logísticos mais alinhadas aos novos tempos e as interações dos sistemas digitais permitem aumentar a velocidade e a confiabilidade das operações. A loja física se transforma em um ponto de contato da marca mais criativo, interativo e digital,se equipa com tecnologia e repensa seus serviços, experiências, formatos e espaços, buscando manter sua relevância e sendo um polo atraente e interativo para seus clientes, visitantes e shoppers.

Em um varejo 4.0, mais tecnológico, experiencial e omnichannel, o design e a ambientação, o merchandising multissensorial e as ativações de marca, o papel do trade e do shopper marketing adquirem um maior status e importância. Cabem a elas estabelecer as estratégias de canais e de seus segmentos, definir a melhor rota go to market e alavancar a disponibilização de melhores produtos, serviços, mais experiência e comunicação para satisfazer as demandas e expectativas de shoppers cada vez mais ferramentados, exigentes, em busca de maior conveniência e rapidez nos processos.

Objetivo do curso

Ao longo deste MBA, os alunos serão preparados para:

  • Conhecer e gerenciar os fundamentos do modelo do varejo 4.0, novas plataformas e pontos de contato mais tecnológicos e automatizados; saber gerenciar a jornadas de compra e consumo de shoppers e clientes mais conectados e exigentes, usando tanto as tecnologias e ferramentas do data marketing, integrando-as aos conceitos e práticas do consumer insights e das análises e estudos do comportamento aplicados
  • Gerenciar a inteligência sobre o mercado e consumidor de forma estratégica, subsidiando tomadas de decisão em ambientes de negócios cada vez mais competitivos, dinâmicos e complexos, atualizando o conhecimento e gerando vantagem inovadora para a indústria e o varejo.
  • Utilizar de forma integrada as diversas plataformas e canais de atendimento e vendas para se comunicar e atender de maneira mais personalizada, rápida e responsiva seus públicos e shopppers

O que você irá aprender

Em um ambiente colaborativo, alunos e professores discutirão approaches de valor para a área, a fim de planejar um projeto de conclusão de curso com foco em pesquisas e estratégias inovadoras e mais customer centric, baseadas não apenas na inteligência de dados e na aplicação dos recentes avanços tecnológicos, mas em análises de tendências, modelos de co-inovação e no design thinking de serviços. Em suma, na junção de estratégias e experiências high touch e high tech, 3.0 e 4.0, que deverão ser tematizadas, discutidas e aplicadas ao longo do curso.

Apresentar a estrutura e o funcionamento geral do curso, o funcionamento do ambiente de aula e do trabalho final. Apresentar e discutir os novos desafios e as novas competências e skills dos Gestores do Varejo 4.0.

Com o aumento da competição, a margem para erros reduziu drasticamente. É fundamental para o gestor contemporâneo analisar os sinais do mercado em conjunto com a estratégia para a tomada de decisão e discutir a importância estratégica da execução baseada em inteligência de dados. Cada vez mais os gestores do varejo precisam usar dados e inteligência analítica e preditiva para tomada de decisões no setor: análise do macro ambiente; análise do ambiente competitivo; análise do ambiente empresarial, Investigação dos concorrentes e análise de tendências e boas práticas em mercados análogos . Investigação da mudança nas práticas de compra e consumo dos clientes e consumidores. A disciplina também visar analisar o uso crescente de dados e informações para a tomada de decisão: dados proprietários, dados de parceiros e dados de terceiros para melhor tomada de decisão.  Definição de KPIs para monitoramento e ajuste e métricas de performance.

A disciplina quer mostrar e discutir os avanços que a oferta crescente de novos serviços e soluções processos e controles executados automaticamente trazem ao varejo e como eles têm impactado as operações e a gestão do novo varejo. Nesta disciplina vamos consolidar os fundamentos dos Sistemas de Informação e discutiremos os conceitos de Inovação e seu impacto nos negócios. Iremos analisar os conceitos de planejamento de recursos empresariais (ERP), gerenciamento do relacionamento com o cliente (CRM), Integração das aplicações da empresa (EAI), gerenciamento da cadeia de suprimentos (SCM) e o processamento de transações online e colaboração nas empresas. A disciplina também discutirá os novos sistemas de Informação para alavancar vantagens estratégicas. Vamos apresentar e discutir as tecnologias emergentes aplicadas aos negócios contemporâneos, estudando a aplicação de uma série de processos operacionais onde a própria gestão automatizada ajuda a promover a racionalização nos custos, a padronização de processos, a contínua melhoria e maior agilidade e eficiência dos controles e com isso uma melhor experiência aos clientes. Ao final, iremos apresentar as principais tecnologias emergentes para a integração dos múltiplos canais de vendas, e apresentar cases e exemplos de como a convergência digital, a mobilidade e a telefonia celular têm afetado o cotidiano das pessoas e das empresas.

A disciplina visa discutir o impacto das novas tendências e tecnologias e a importância de testar e aplicar novos modelos e práticas inovadoras e criativas para o setor. A disciplina objetiva discutir a transformação digital e a busca de novos serviços e conteúdos e ações que agreguem e facilitem a experiência de compra ominichannel, discutir os temas da responsabilidade sócio-ambiental e pensar novos modelos e propostas de valor mais sustentáveis, abordar as novas economias de rede e colaborativas e os modelos peer to peer da economia do compartilhamento. O foco da disciplina é motivar os novos empreendedores, gestores e profissionais do varejo em investir em um mindset mais criativo, se baseando nas metodologias dos modelos open source, da co-criaçã, nas abordagens do design thinking e do design de serviços e outras metodologias que ajudam a área a criar e planejar novos modelos e formatos de loja, incrementar o experiência dos seus shoppers, entregar melhores resultados e melhor atender surpreender sua clientela, gerando maior diferencial competitivo.

As vendas no varejo pela internet crescem a níveis surpreendentes, sempre acima da média das vendas no varejo tradicional. Esse fenômeno mundial insere, a cada dia, mais empresas em um revolucionário canal de negócios. Para atuar nesse contexto, as organizações buscam profissionais com visão estratégica e capacidade de adaptação aos novos desafios e oportunidades proporcionadas pelo ambiente digital, que agreguem valor às estruturas existentes e inovem constantemente.

Para empreendedores, é uma oportunidade de planejar o desenvolvimento dos negócios sobre bases de conhecimentos mais sólidos. Os gestores do varejo precisam integrar a inteligência usada na gestão do inventário para eliminar custos, acelerar ciclos de itens e manter a monitoração constante de informações com alta fidelidade. Através de uma coleta e uma análise mais fina dos dados, os gestores do e-commerce poderão alinhar seu estoque com as demandas dos web-shoppers, e criando ações e diferenciais para ganhar vantagem competitiva. Ajudar na formação de profissionais gestores e empreendedores é a proposta desta disciplina, que tem como meta oferecer oportunidades de aprendizado para atuação em novos canais e formatos varejo, por meio de lições teóricas e práticas, baseadas no conhecimento dos professores e em suas experiências no dia a dia à frente de grandes empresas atuantes nesse mercado. A disciplina ainda poderá contar com profissionais convidados, que trarão depoimentos para enriquecer a experiência de aprendizado.

As operações eficazes do varejo 4.0 exigem a integração entre canais e tecnologias, e os sistemas devem fornecer dados de inventário em um formato padrão. As entradas devem apresentar visibilidade de ponta a ponta em lojas, nos seus centros de distribuição e junto a seus fornecedores e fabricantes, visando sempre reduzir custos ao varejista e garantir melhor experiência de compra aos clientes. A disciplina tem também como meta discutir os novos canais e formatos e a gestão integrada e estratégica do novo varejo 4.0, as novas tecnologias aplicadas ao varejo online e as estratégias digitais. Discutir os desafios de um varejo multicanal e híbrido na questão de identificação de públicos e clusters, localização comercial e análise de pontos e mix de produtos e gerenciamento de categorias nos canais. Discutir a gestão multicanal as ferramentas e práticas para construir e fortalecer modelos mais omnichannel e integrados.

Uma vez que mais clientes e shoppers têm acesso e estão mais bem informados sobre variáveis de valor, preços e características da categoria e produtos e serviços oferecidos é essencial a empresa ser capaz de oferecer melhores informações e conteúdos sobre os produtos e serviços e manter o bom cumprimento das suas promessas no que diz respeito à cadeia de abastecimento e valor e no seu atendimento e relacionamento com estes clientes nos canais digitais. O varejo 4.0 não pode apenas querer. Integrar sua loja virtual à venda física e ao marketplace, mas saber integrar a posição e a missão da marca neste ambiente omnichannel.

A disciplina destaca o atual contexto do setor varejista, a competitividade entre as organizações, disponibilidade de novos recursos tecnológicos e a contínua e rápida mudança do comportamento dos clientes. Outro foco é ajudar a estreitar o relacionamento positivo com o cliente, conhecer sua jornada de relacionamento, expectativas e necessidades, condição essencial para o engajamento do cliente em relação às empresas e respectiva valorização das marcas.  Também visa oferecer aos profissionais da área de negócios o aprimoramento de seus conhecimentos sobre gestão de marketing e de relacionamento com clientes, abordando os mais modernos conceitos de (social) CRM, apresentando ferramentas e estratégias que preparam a empresa para se tornar competitiva; desenvolver habilidades para gerenciar o marketing de relacionamento nas diversidades do setor Varejista, destacando-se os conceitos de: Jornada do Cliente (OmniChannel e Multicanalidade); Coalizão e CMR (Customer Manager Relationship); Integração do Planejamento de recursos empresariais (ERP), gerenciamento do relacionamento com o cliente (CRM) e gerenciamento da cadeia de suprimentos (SCM); Harmonização da experiência do cliente: loja X comércio eletrônico. A disciplina quer discutir os novos sistemas de gestão automatizada, que ajudam a racionalização nos custos, a padronização de processos, a contínua melhoria e maior agilidade e eficiência dos controles e com isso uma melhor experiência aos clientes, campanhas de marketing harmonizadas (loja física e comércio eletrônico) e, ao final, apresentar as principais tecnologias para a integração dos múltiplos canais de relacionamento e vendas. Apresentar cases/exemplos de como as empresas tem se destacado no setor varejista.

As redes de varejo se apoiam cada vez mais no uso intensivo de tecnologia para alavancar suas vendas diretas; usando para isto inteligência digital que os capacite a interpretar em formato 360 graus os seus clientes e o ambiente em que estão inseridos. A correta aplicação desta tecnologia que passa por IoT, Big Data, sistemas preditivos baseados em Business Intelligence (BI), reconhecimento de face entre outras soluções, poderão em curto prazo desenhar um cenário previsto de consumo para estas redes (locais e globais) e direcionar melhor os esforços de vendas e dimensionamento físico: loja, estoques, logística e distribuição entre outros atributos. A disciplina objetiva discutir a dinâmica destes processos na dimensão digital, aplicando-os às redes de varejo deste formato.

As interações dos sistemas digitais com os funcionários e equipamentos permitem aumentar a velocidade e a confiabilidade das operações, reduzindo custos. Este ambiente de convivência chamado de Sistemas Físico Cibernéticos (Cyber Physical Systems) deu origem à indústria 4.0 e, por consequência, à logística 4.0. Na logística do varejo, são adotadas boas práticas no Ponto de Venda (PdV), voltadas para a gestão de fornecedores, controle do inventário da loja, sistemas de recebimento de mercadorias, definição de janelas de entregas, organização de prateleiras (planograma), sistemas de reposição automática (Vendor Managed Inventory), gestão da demanda, dentre outras, que associadas às tecnologias existentes e emergentes ampliam o valor do produto e/ou serviço para o cliente. Assim, esta disciplina tem como objetivo abordar a gestão da cadeia de suprimentos, tendo como foco as práticas logísticas do varejo, alinhadas aos conceitos da logística 4.0, indicando suas vantagens e pontos de atenção.

O curso visa identificar, acompanhar e aprofundar as análises, highlights e insights sobre as mudanças recentes, as novas pautas e tendências emergentes que vêm impactando e modificando hábitos, valores, práticas e experiências de compra e consumo dos novos consumidores. A disciplina quer discutir a importância de acompanhar, mapear e analisar o comportamento de novos segmentos e públicos de shoppers, e as intersecções dos drivers e gatilhos de mudança socioeconômicas, as variáveis demográficas e atitudinais e o impacto das novas tecnologias sobre os estilos de vida e o comportamento de consumo destes novos shoppers.

A disciplina, seus conteúdos e análises visam ajudar os estrategistas e consultores do segmento a acompanhar, prever e mapear as novas pautas, mudanças e práticas de compra e consumo e entender o mindset dos shoppers da nova era.

A disciplina busca estudar e antecipar o impacto dos novos cenários e ciclos econômicos, das mudanças sócio demográficas, os novos modelos comportamentais e estilos de vida e, em particular, discutir como os facilitadores tecnológicos e a transformação digital têm um papel transformador e disruptivo no mindset de compra e na cultura de consumo, analisando em profundidade o pipeline de compra e as novas jornadas do consumidor mobile. Discussões que ajudam varejistas e indústria a pensar ações mais assertivas e customizadas que atendam as demandas e expectativas dos seus clientes finais.

Esta disciplina tem como objetivo fundamentar os conceitos de trade marketing e importância da gestão de canais de marketing para o sucesso no varejo 4.0. O trade marketing tem papel fundamental na construção da estratégia de canais e no planejamento de clientes, tanto varejistas como distribuidores. O intuito é entender as principais atividades da área de Trade, sua importância para as organizações e os distintos estágios de desenvolvimento nas empresas no Brasil. Com as mudanças no comportamento do shopper, a jornada do consumidor se tornou mais complexa e isso exige das empresas uma integração entre canais de marketing e de comunicação, uma estratégia integrada para os canais físicos e digitais para ter uma execução perfeita nas lojas.

Em um varejo omnichannel, o trade marketing tem suma importância em estabelecer a estratégia de canais e de seus segmentos, definir a melhor rota de mercado e alavancar a disponibilidade de produtos e serviços para satisfazer as necessidades e expectativas dos shoppers. A disciplina visa definir dos conceitos de trade marketing, channel marketing e customer marketing e as sinergias com as abordagens e atividades de shopper marketing. A importância da estruturação das equipes de trade marketing para as organizações e distintos estágios de desenvolvimento nas empresas. O seu papel na definição da estratégia de canais, nas estratégias Go to Market e na gestão de conflitos entre canais. A disciplina também aborda o planejamento de trade marketing, planos de canais e clientes e o calendário promocional, os indicadores de execução e desempenho e ações de merchandising.

A disciplina visa mostrar a importância das estratégias do shopper marketing para esta nova era do varejo digital. A disciplina e aulas irão mostrar novas abordagens estratégicas e táticas da aplicação dos conceitos de shopper insights e gerenciamento de categorias a desenvolvimento de marcas no ambiente do varejo físico e virtual. Com foco em identificar os critérios de sucesso na jornada de compra e desenvolver soluções que melhorem a experiência no ponto de venda, vamos avaliar a importância de shopper insights e data analytics no processo estratégico, entender as diferenças que cada canal possui no comportamento dos shoppers e aprender conceitos, ações e ferramentas que podem criar impacto no dia a dia das jornadas dos shoppers, apresentando iniciativas e cases nacionais e internacionais voltadas ao universo de segmentos importantes do varejo: o varejo alimentar, moda & estilo, beleza e farma, eletro e suas vertentes virtuais.

O objetivo da disciplina é apresentar como os espaços de varejo se desenvolveram nos últimos anos, resultado de uma profissionalização do setor terciário devido à grande concorrência e necessidade de atender as demandas especificas do novo comportamento de consumo. Os pontos de venda se tornaram tão focados, que a identidade arquitetônica e visual, metragem quadrada, os produtos, serviços, localização, perfil do consumidor, preço e distribuição influenciam diretamente no resultado de como será trabalhado o design e sua experiência.

O conteúdo programático irá destacar as características dos espaços nas lojas físicas que estão passando por uma grande transformação, pois a presença da tecnologia digital agrega novas demandas, necessidades e expectativas que ainda estão sendo formuladas, testadas e aprovadas. Abordaremos questões de definição estratégica dos tipos de espaços comerciais, a influência da tecnologia digital, a importância da identidade visual tangibilizada na arquitetura, o uso do visual merchandising como recurso que agrega qualidades sensoriais e diferenciais à marca.

A maior concorrência explicita a importância dos gestores empresariais a se relacionar e negociar com seus atuais clientes e prospectar e recrutar novos clientes e a buscar a expansão dos seus negócios. A disciplina visa atualizar os conceitos e métodos relacionados ao franchising na teoria e na prática. Iremos discutir a franqueabilidade de um negócio e a formatação de uma franquia.

As diferentes ferramentas de suporte e gestão de redes e os aspectos jurídicos da relação. Discutir e analisar as estratégias e planos de expansão, instrumentalizando os alunos para que os conceitos estudados possam ser aplicados na prática àqueles que queiram expandir seu negócio, analisando os processos de franqueabilidade e ajudando a desenvolver planos de negócios em redes de franquias nacionais e/ou internacionais. Iremos discutir os desafios do treinamento em redes de franquias, pensar nas técnicas de prospecção de candidatos e processos seletivos e na análise dos indicadores de desempenho de vendas.

O foco desta disciplina objetiva capacitar a gestão estratégica e discutir os novos papéis do capital humano no varejo 4.0. A disciplina quer fornecer e desenvolver as habilidades e competências na gestão de equipes de gestão, atendimento e vendas nos diversos canais varejistas. Discutir novas práticas de gestão de pessoas que visa qualificar os profissionais do setor para a gestão e direção de equipes comerciais.

Esta disciplina visa garantir maior vantagem competitiva para as empresas do setor varejista e em suas carreiras por meio das atividades de negociação e vendas. Um dos objetivos centrais é oferecer aos alunos uma visão sistêmica e atualizada sobre os processos, conceitos e práticas ligados a essas atividades.

Mostrar uma visão ampla e atual de como digital analytics e behavioral targeting se tornaram ferramentas estratégicas nas empresas para otimização de campanhas digitais, desenvolvimento de novos produtos, estudos de comportamento de clientes, vendas e tecnologia. Mostrar a importância do data drive marketing, do marketing de automação e das novas ferramentas para monitoração, coleta e análise quantitativa e quantitativa, a relevância do real time para o processo de análise e captação de insights visando a melhoria contínua dos resultados estratégicos e táticos da empresa. Conhecer e compreender o uso de tecnologias e softwares, técnicas e métricas analíticas no contexto do digital e do ambiente big data. Conceituando e compreendendo os principais aspectos, práticas e processos na condução das análises de redes, clusters e do text mining. Como as empresas estão organizando times multidisciplinares - as salas de performan

A força de vendas é um grande diferencial competitivo para as empresas na acirrada disputa pelo mercado, em particular para o segmento varejista.

A sondagem, o planejamento, a apresentação e o fechamento da venda seguem um rigoroso alinhamento de informações que precisam ser trabalhadas para a maximização dos resultados. A disciplina alia questões estratégicas e táticas, necessárias para o desenvolvimento do profissional que deseja atuar com eficácia na área de negócios. Seu conteúdo aborda as tendências atuais nesse universo, ressaltando-se as características da área e as estratégias que podem gerar diferenciais competitivos para a organização, bem como as ferramentas que permitem um estreitamento da relação cliente-executivo de contas.

O foco das aulas é permitir uma melhor interação entre conhecimentos teóricos e práticos, facilitando, por meio de exemplos de mercado, um maior entendimento sobre os assuntos abordados. Ao final da disciplina, os alunos elaboram um planejamento de vendas, no intuito de aplicar os conceitos apreendidos.

ce – para organizar, cruzar e analisar dados da web, redes sociais, dados internos, demográficos, atitudinais e comportamentais de compra dos usuários e consumidores a fim de transformá-los em conhecimento estratégico para a tomada de decisão.

O enfoque da disciplina tomará como base os principais métodos de estabelecimento de preços em função da disponibilidade da renda do consumidor, bem como ações dos concorrentes, definindo qual deles poderá levar ao melhor rendimento para o negócio e consequentemente, continuidade e crescimento do mesmo. Serão tratados diversos aspectos e conceitos que levarão a formação de preços efetiva, gerando diferencial e competitividade à empresa, através de analises de resultados.

A abordagem concentra-se na tomada de decisões em ambientes onde o mercado é altamente competitivo e que exige uma atenção muito grande para se fixar preços dos produtos e serviços.

Elaborar um projeto, com a aplicação prática de referenciais teóricos, conceitos e metodologias abordados ao longo do curso.

O projeto terá o monitoramento de um orientador, que atuará como facilitador para seu desenvolvimento e, quando finalizado, será submetido a uma banca de avaliação.

Para quem se destina?

  • Profissionais das mais diversas áreas que atuam diretamente com a área de vendas e varejo, com estratégias e ações que visam incrementar a experiência de compra dos consumidores.
  • Aos profissionais das mais diversas áreas: comercial e vendas, varejo, marketing e comunicação, tecnologia e design, inteligência de mercado e planejamento estratégico, que queiram ampliar e atualizar seus conhecimentos sobre a área do novo varejo multi e omnichannel.
  • Líderes e gestores do varejo, empreendedores e consultores do setor, profissionais da indústria e do varejo das áreas de trade e shopper marketing, comunicação e gestão, negociação e vendas, atendimento e relacionamento com clientes, e àqueles profissionais que precisam se atualizar em modelos mais customer centric e em modelos de gestão, transformação e inovação digital, automação e se atualizar nas novas tecnologias aplicadas ao varejo.

Educação a Distância ESPM

Além das unidades tradicionais ESPM, você poderá realizar suas provas presenciais nas seguintes cidades: Belo Horizonte, Brasília, Cuiabá, Curitiba, Recife e Salvador

Escolha onde realizar suas provas

São Paulo - ESPM - Unidades

São Paulo

Rio de Janeiro

Rio de Janeiro

ESPM Sul Unidades

Porto Alegre

Investimento


  • Matrícula
  • R$ 698,00
  • R$ 698,00
  • R$ 698,00
  • R$ 698,00
  • R$ 698,00
  • Parcelas
  • 1 x R$12.512,00
  • 11 x R$1.094,84 + 1 x R$1.100,11
  • 17 x R$749,05 + 1 x R$762,52
  • 23 x R$576,39 + 1 x R$598,50
  • 26 x R$519,38 + 1 x R$533,42

O que você irá aprender

Em um ambiente colaborativo, alunos e professores discutirão approaches de valor para a área, a fim de planejar um projeto de conclusão de curso com foco em pesquisas e estratégias customer e user centric, que deverão ser tematizados e desenvolvidos ao longo do curso.

Etiquetas :

Nível : MBA/Master

Momento da carreira: Consolidado

Momento da carreira: Crescimento

Até 27x de R$ 519,38*
* Confira a tabela abaixo

Início das aulas: 27/09/2018

Aulas: Aulas ao vivo por web conferência às terças e quintas-feiras

Tipo : Educação a distância

Duração : 4 Semestres