Flávio Pessoa

Professor

0

CURSOS

Home Os professores

Flávio Pessoa

Ilustrador autônomo, associado à SIB (Sociedade dos Ilustradores do Brasil), atuo principalmente no mercado editorial, desde 2007, onde se destacam as ilustrações para o livro infantil Um passarinho me contou, texto de Jorge Miguel Marinho, lançado em novembro de 2014, pela Edições de Janeiro; a adaptação para histórias em quadrinhos do conto de Machado de Assis A Cartomante, publicado pela editora Jorge Zahar em 2008, já em sua segunda edição; as ilustrações para as crônicas do livro 25 cronistas falam de superação, reunindo nomes como Aldir Blanc, Gregório Duvivier, Ruy Castro, Córa Ronai, Hélio de la Peña e Arthur Dapieve, publicado pela Verbo Editorial em 2015; e as ilustrações para o livro Ser como um rio que flui, de Paulo Coelho, edição da Agir, de 2009. Realizei a exposição individual de aquarelas, Duas Copas, abordando as diferenças culturais do Rio de Janeiro entre a Copa de 1950 e 2014, no Kariok Hostel, na Glória, Rio de janeiro, com registros no Jornal o Globo, e nos programas Tá na àrea e Redação Sportv, do SporTV.

Trabalhando como professor substituto em duas faculdades da Universidade Federal do Rio de Janeiro, Faculdade de Arquitetura e Urbanismo e Escola de Belas Artes, lecionei entre agosto de 2013 e julho de 2015, a disciplina de desenho de observação na FAU e, desde o primeiro semestre letivo de 2014 até julho de 2015, as disciplinas de desenho artístico 1 (para os cursos design de interiores e paisagismo) e 2 (Gravura e Escultura) na EBA. Formado em design gráfico pela UniverCidade (1998), possuo pós-graduação em história da arte, pela PUC-RJ (2002), e mestrado em história Comparada pelo IFCS- UFRJ (2013), defendendo a dissertação em 2013, com a pesquisa que objetivava comparar os aspectos políticos, sociais e econômicos entre períodos concentrados na década de 1940 e 70, analisando as charges diárias do Jornal dos Sports. Sobre charges esportivas escrevi em co-autoria com meu orientador o capítulo a respeito da visão da imprensa sobre os jogos de 1922, no livro lançado em 2012, 1922 - celebrações esportivas do centenário, pela editora 7 Letras. Em maio de 2016 fui aprovado no processo de seleção para doutorado no Programa de Pós Graduação de Artes Visuais, na UFRJ (EBA), cujas aulas começam em agosto deste ano.

Localização : Rio de Janeiro