ACESSO EXCLUSIVO PARA PROFESSORES

ACESSO EXCLUSIVO PARA ESTUDANTES

ESPM > Blog >

Entenda o que é neurociência

Fique por dentro do que essa área estuda e como ela pode ajudar empresas a compreenderem melhor o consumidor 

 

O biomédico Billy Nascimento, coordenador e professor do Master em Neurociência do Consumidor da ESPM, explica o que é neurociência com uma definição simples e objetiva: “a neurociência é uma área da Biologia que entende os processos de informação que o organismo tem em relação ao ambiente externo e o ambiente interno”. Em outras palavras, significa que esse campo científico estuda as reações do sistema nervoso a impulsos e estímulos além do campo racional, permitindo que essa análise ajude a entender o comportamento do consumidor. 

 

Neurociência aplicada aos negócios 

Desde o surgimento da internet 2.0 e das mídias digitais, as empresas passaram a coletar dados sobre o comportamento dos consumidores em diversas esferas. Dessa maneira, as corporações passaram a saber “o que” acontece, mas não entendiam “por quê”. A resposta veio na adoção da neurociência como instrumento de interpretação comportamental e para ajudar uma marca a conceber estratégias de vendas alinhadas com um cenário real. 

 

Neuromarketing 

Para isso, recorre-se ao neuromarketing, que se vale de conceitos da neurociência aplicado ao marketing, auxiliando as empresas a entender o comportamento do consumidor para conceber estratégias eficazes.  

 

O neuromarketing observa manifestações fisiológicas e comportamentos humanos diante de situações específicas e assim destrincha processos não falados. Esse instrumento é muito utilizado atualmente em pesquisas de mercado, como se fosse uma versão turbinada dos modelos mais antigos – entrevistas individuais, grupo focal e pesquisa qualitativa. 

 

“As empresas de pesquisa investem em tecnologia e metodologia para entender o que a pessoa não fala”, explica Nascimento, que também é cofundador da consultoria Forebrain. “E se valem de exames como o eletroencefalograma para investigar as ondas elétricas cerebrais e avaliar como elas estão relacionadas às experiências do indivíduo.”. A avaliação leva o participante para um laboratório onde ele é submetido a estímulos de eletrodos colocados em sua cabeça, que analisam suas respostas fisiológicas. O estudo também pode ser feito pela internet com o recurso de avaliação do eye tracking (rastreamento do movimento dos olhos), permitindo analisar o tempo de reação às tarefas propostas. 

 

O resultado dessa metodologia que estuda causa e efeito (ação e resposta fisiológica) entrega para as empresas informações relevantes sobre as reações humanas, ajudando no planejamento de ações. 

 

Teste da salivação 

O coordenador da ESPM cita o exemplo da campanha “fome de méqui”, realizada em 2020 pelo McDonald´s no Brasil. As pessoas avaliadas assistiam a um vídeo com um Big Mac e um lanche com as mesmas características. Quando o Big Mac aparecia na tela, as pessoas salivavam mais e esse foi o mote para a campanha. 

 

Curso de neurociência 

Por tudo isso, há um campo de atuação para institutos de pesquisa e um mercado para a formação de profissionais das áreas de marketing e negócios. Eles sairão de um curso de especialização como o Master em Neurociência do Consumidor da ESPM com conhecimento sobre o tema e, principalmente, com bagagem para saber contratar uma empresa de pesquisa e fazer a construção de insights, de perceber o mundo e o consumidor de uma forma diferente para trabalhar uma marca e seus produtos. 

 

Como se vê, há um nicho de trabalho para profissionais de negócios e marketing que são formados em cursos como o Master em Neurociência do Consumidor da ESPM. Além de entender o que é e para que serve a neurociência, e como extrair insights a partir dos resultados das pesquisas, os estudantes aprendem a perceber o consumidor e o universo em que estão inseridos e a contratarem empresas especializadas em análises baseadas na neurociência. 

 

Núcleo de Conteúdo ESPM
Núcleo de Conteúdo ESPM
você também pode gostar:

Translate

According to your choice

[gtranslate]

SEED Program

ESPM, em parceria com a Gorom Association (https://gorom.org/en/), está promovendo uma colaboração acadêmica que visa a desenvolver habilidades de empreendedorismo social, liderança e comunicação intercultural, o que permitirá um aprofundamento da compreensão do desenvolvimento de negócios globais a quatro estudantes selecionados para participar do programa, que se iniciou em julho e culminará em uma apresentação de resultados em dezembro de 2023.

O programa deste ano envolve a preocupação com a revitalização da economia local no Japão, país que tem enfrentado o envelhecimento da sociedade e a baixa taxa de natalidade e que, juntamente com outros fatores econômicos, tem imposto muitos desafios para o desenvolvimento dos negócios. Na edição deste ano, os participantes serão divididos em quatro grupos de pesquisa, envolvendo os setores de saquê, vinho, joias e têxteis, para desenvolverem soluções de propostas concretas de negócios.

Para isso, ao longo de cinco meses do programa, os participantes serão capacitados por meio de aulas, debates, realização de pesquisas e orientações, a desenvolverem suas propostas. Essas atividades serão realizadas online, mas, ao final do programa, será realizado o Study Tour ao Japão, que oferecerá uma oportunidade para os alunos levarem as habilidades e conhecimentos que adquiriram e aplicá-los de forma prática.

Serão cerca de 12 dias, em que os estudantes finalizarão as consultas e as pesquisas de campo, conversarão com especialistas, produtores locais e líderes comunitários antes da apresentação de suas conclusões, em um “Pitch Final” aos empresários e outros stakeholders-chave na cidade de Yamanashi, em dezembro de 2023.